OELA participa de atividades na Eletrobras Amazonas GT apresentando os projetos desenvolvidos pela organização

By
doação

Encerrando a semana de Prevenção em Acidente de Trabalho, realizado pela Eletrobras Amazonas GT, a Oficina Escola de Lutheria da Amazônia (OELA) foi convidada pela concessionária para fazer uma apresentação sobre a organização, bem como mostrar os trabalhos desenvolvidos pela ONG, localizada na zona Leste de Manaus com crianças e adolescentes.

Durante a apresentação, a assistente executiva da direção da OELA, Darles Freitas, ressaltou a importância do convite feito pela Eletrobras e aproveitou para destacar os projetos desenvolvidos pela organização, graças às parcerias e patrocínios que a OELA recebe, beneficiando crianças, jovens e adultos.

“A OELA tem um trabalho muito bonito. O trabalho que a gente desenvolve em nossa comunidade, com nossas crianças e adolescentes que vivem em situação de vulnerabilidade social , os  trabalhos são voltados para eles. E hoje tivemos a oportunidade de apresentar esse trabalho aqui, na Eletrobras Amazonas GT”, enfatizou.

Participaram da apresentação, além da executiva de direção, a assistente social Vanessa Praia, que pontou alguns projetos desenvolvidos na OELA, bem como a participação do professor de Musicalização e aluno do curso de Lutheria, Wal Kilmer Souza da Silva, que mostrou a importância de ensinar às crianças as técnicas da arte de dedilhar, no caso, o violão, e também do aluno do curso de Lutheria, Matheus Druciak.

Na ocasião, o professor Wal também apresentou aos funcionários da Eletrobras Amazonas GT partes separadas de um violão produzido no curso de Lutheria e frisou o diferencial do material utilizado na produção artesanal, que são as madeiras amazônicas e todas elas com certificação internacional do Florest Stewardship Council (FSC), por adotar o uso  exclusivo de madeira oriunda de manejo florestal certificado para a construção de instrumentos musicais.

A assistente social e responsável pelo programa de Qualidade de Vida da Eletrobras Amazonas GT, Mirian Belmont, comentou da importância de se trabalhar a responsabilidade social, tanto dentro da empresa quando na comunidade de modo geral.

“Temos uma preocupação muito grande com a responsabilidade social  e a nossa empresa está imbuída desse objetivo. Então, a importância da participação da OELA é disseminar a cultura da responsabilidade social, através da musicalidade, da construção de instrumentos e no atendimento voltado às comunidades carentes que vivem em situação de vulnerabilidade social.  A gente nota uma seriedade muito grande na condução do trabalho que a OELA vem fazendo”, frisou.

Compartilhe!
doação

You may also like

doação